Organização do Processo Produtivo ao montar uma Fábrica de Gelo

A organização do processo produtivo deve obedecer alguns pontos importantes, com atenção especial a adequação da matéria-prima principal que é a água pura, devidamente tratada segundo os preceitos legais requeridos pelos órgãos fiscalizadores, em especial a ANVISA.

No contexto geral a fabricação de gelo é bastante simples, conforme segue:

1. Gelo em Escamas

A água, após devidamente filtrada e tratada, entra pela máquina fabricadora de gelo em escamas. Na seqüência, quando o gelo fica pronto, a máquina acumula esse gelo produzido em um depósito específico na própria máquina. Desse ponto para frente o processo deverá ser o de pesar o gelo em escamas, acondicionar em embalagem plástica, lacrar e estocar em freezer ou câmara frigorífica.

2. Gelo em Cubos

A água, após devidamente filtrada e tratada, entra pela máquina fabricadora de gelo em cubos. Na seqüência, quando o gelo fica pronto, a máquina acumula esse gelo produzido em um depósito específico na própria máquina. Desse ponto para frente o processo deverá ser o de pesar o gelo em cubos, acondicionar em embalagem plástica adequada, lacrar e estocar em freezer ou câmara frigorífica.

3. Gelo em Barras

A água é colocada em formas especiais de 5 ou 10 Kg, que são mergulhadas em solução de cloreto de sódio ou álcool hidratado, a uma temperatura de –15ºC. Dez horas depois, o gelo está formado. Basta passar a forma em água corrente para que o gelo desprenda.

Fonte: SEBAE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Iniciar conversa
Em que posso ajudar?
Olá,
podemos ajudar?